Google Translator

domingo, 23 de outubro de 2011

Liderança Adaptativa e Análise do Comportamento

Liderança adaptativa é um termo criado por Ronald Heifetz, que prepara a sociedade para ficar mais adaptada as necessidades do mundo.Por sociedade pode ser entendido tanto empresas, como instituições públicas ou qualquer outro grupo social.

Para que exista  a atividade da liderança adaptativa, Heifetz comenta que o lider deve realizar cinco atividades principais:
  1. O diagnóstico, que consiste em saber diferenciar os problemas técnicos dos problemas adatativos.Os primeiros são problemas que necessitam da atuação de um perito, enquanto o segundo exige alguma mudança nos procedimentos realizados pelo grupo.Neste caso, o líder deve identificar e definir quais competências, normas e valores culturais da organização vale a pena preservar, quais terão de ser descartados e que inovações são necessárias para que a empresa possa utilizar o melhor de sua história e avançar rumo ao futuro.
  2. Expor os desafios que a organização deve resolver. Isto se dá por meio da formulação de perguntas mais adequadas.
  3. Mobilizar as pessoas para que assumam responsabilidades, disponham-se a enfrentar as mudanças e as orientem a fim de que elas enfretem questões difíceis ao invés de evitá-los.
  4. Regular o nível de conflito de forma que não esfrie demais nem que provoque a ruptura do grupo
  5. "Imprimir sentido ao trabalho" ao lembrar constantemente as pessoas os objetivos da organização e explicar o porque de seu trabalho.
O vídeo a seguir fala um pouco sobre as características de um Líder, vejam a partir de 0:22 :

Carlos Costa, 1º Fórum CLP:



A Análise do Comportamento vai ao encontro de diversos pontos apresentados no vídeo e por esse autor.O próprio termo liderança adaptativa aponta para um comportamento, dado que Heifetz aponta que liderança é uma atividade realizada pelo líder, que promove a adptação de uma determinada organização.Essa adaptação se dá por modificação de contingências, metacontingências e macrocontingências.Imprimir sentido ao trabalho, por exemplo, é uma forma de apresentar regras que os motive a realizar sua função com maior eficiência.Essa impressão de sentido pode ser feito a indivídualmente ou coletivamente, ou até mesmo ao colar posters ou outros tipos de estímulos que possa ser visto por todos(ou seja, estabelecer uma macrocontingência).A explicação da importancia da realização de determinado trabalho, para o alcance de determinado objetivo, serve como operação estabelecedora para intensificar o efeito das regras ou sinais que indiquem que um determinado membro do grupo está ajudando este grupo a alcançar seus objetivos. 

A regulação do nível de conflito seria a capacidade de estimular os membros do grupo de modo a procurar soluções de forma que eles se tornem motivados e que as interações sociais não se tornem aversivas. Uma disensão, se não bem trabalhada pode levar tanto a uma agressividade entre os indivíduos como pode não ser interessante a eles.A mobilização das pessoas está diretamente relacionado aos Estímulos discriminativos(SD), pois membros de uma organização pode não ter tido um contato adequado a certas informações, como pode ser relacionado a Operações Estabelecedoras(OE), visto que os indivíduos devem estar motivados a realizar suas tarefas.

O diagnóstico é o único ponto que não exige, necessariamente, a interação com outras pessoas.Ela consiste num bom comportamento de solucionar problemas e auto-controle, ou seja, comportamentos que trabalhem formando Sd's para o comportamento do próprio Líder refletir sobre sobre os objetivos da organização e quais tipos de problemas o grupo deve enfrentar.Ser capaz de discriminar problemas de adaptação de problemas de técnicos, envolve o comportamento de busca de informações sobre o grupo e sobre o meio.

Como a Análise do Comportamento pode ajudar a uma pessoa a desenvolver suas capacidades como líder? Bom, a Análise do Comportamento pode facilitar o desenvolvimento das relações sociais e de habilidades de liderança, facilitando a identificação dos valores e do que reforça cada membro de uma organização (inclusive o Líder), de que forma o grupo funciona como um todo, através da análise de metacontingências e facilitar o efeito dos mecanismos usados para informar e motivar os membros.


Para Saber Mais:

Entrevista exclusiva de Ronald Heifet: As 5 atividades básicas do líder

http://xa.yimg.com/kq/groups/17293628/1048131783/name/As

Um comentário:

  1. continue com seu blog, não desista! é muito bom!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...